terça-feira, 10 de março de 2015

Investir ou não em Cursos e afins?

Muita gente pergunta-me quais os cursos que a minha ML frequentou, ou se os meus filhos frequentam aulas ou participa em workshops, e até mesmo o que já investir nesta área para que eles fizessem o que fazem: desfiles, anúncios, catálogos, voz...
Eu sou da opinião, que na idade deles ainda não vejo necessidade de fazer investimento em Workshops, ter aulas específicas e tal, para se terem sucesso no meio artístico. Isso. lógico, falo baseando-me no país onde vivemos, Portugal, e no que eles já fizeram, que em nenhum momento foi-lhes pedido diplomas, ou "experiência" para participarem seja lá no que for. Posso está enganada, mas ainda cá, não se exige que uma criança tenha cursos de passarele, ou representação, etc para se participar num anúncio, fazer novelas/filmes, ou mesmo desfilar. Mesmo porquê, na maioria dos desfiles que os meus têm ido, pedem sempre para serem o mais crianças possível, nada ensaiado ou coreografado. Os catálogos? Nunca pedem para se fazerem poses, antes pelo contrário, pedem para brincarem, e agirem naturalmente. Nos anúncios? Novelas? Dizem: "Faça de conta que..." É preciso cursos para criança aprender a se divertir? Até onde sei, nem o que se considera "beleza" é preciso, pois cada criança tem a sua graça, e é dotada de um carisma especial.
A minha ML fez um curso de 3 meses, de Modelo/Manequim, quando estava com apenas 3 aninhos (acho que ia mesmo só para brincar) , devido ao facto de ser Exclusiva de uma agência, foi-lhe oferecido este mimo. Mas muito sinceramente não acredito que seja por este curso que ela tem sucesso na área. Acho que nascemos com talentos, e vamos aprimorando com o passar do tempo. Por mais que andemos em workshops, e a ter aulas e mais aulas de canto ou interpretação, se não gostamos e não temos talento para tal coisa, é investimento perdido. 
Há tantas outras áreas que se deve estimular os miúdos, sem visar o entrar no meio artístico, e sim o aprimoramento, e desenvoltura da criança, como vencer a timidez, levantar a auto-estima, e há imensas aulas para este fim, sem ser um Workshop de Modelo/Manequim, ou Cursos Intensivo de Interpretação, etc, que na maioria das vezes custam muito dinheiro. O ideal são que as crianças aprendam outras línguas, aprenda a tocar um instrumento musical, faça aulas de dança, tenha aulinhas de futebol...o que vier disso, é consequência e possivelmente talento de cada um.
Cada um coloque seu filho na atividade ou mesmo que faça o Curso/Workshop que achar viável, mas garantidamente, não é quesito para se começar, ou mesmo entrar no meio artístico. 


Catálogo de  Moda MDD


Capa da  Revista Pais&Filhos

Campanha Cultural Maria&Luiz

Desfile Portugal Fashion

Produção Fotográfica para a Revista Cristina

 Catálogo de Moda Ativo Kids