segunda-feira, 2 de março de 2015

Ter ou não Página Oficial?

Com a febre das redes sociais, o que se está a dar, hoje são páginas oficiais de miúdos. Eu particularmente acho o máximo, e acompanho sempre, principalmente se for de crianças que conheço pessoalmente. Muito sinceramente, não acho mal algum, mas há muitas controvérsias.
Já conversei com alguns pais, e mesmo responsáveis de agências no qual não concordam. Por motivos distintos, mas que realmente nos leva a pensar. Alguns pais por medo da exposição a mais, facilitando aos pedófilos, imagens e acessos aos locais frequentados por estas crianças. Os agentes, por achar que, de uma certa maneira "cansa" a imagem das crianças, com tantas informações, fotos...
Os meus filhos têm página. A ML na maioria das vezes é que faz os teus próprios posts, sempre acompanhados por mim, ela diverte-se muito em mostrar o que faz, e receber feedbacks de pessoas que muitas vezes nem conhece. As páginas do LH e da M, sou eu que faço os post, coloco fotos...portanto, é com muito cuidado que selecciono as fotos, e meço bem as palavras que escrevo.
Realmente, há de se ter muito cuidado com as informações colocadas, e também as fotos postadas. Perigos há sempre, e em todo lado. Não acredito que, por uma criança ter uma página pública, ficam mais propensos a pedófilos ou uso indevido de imagem. Se assim fosse, nem deveríamos deixá-los entrar no meio artístico, que expõe e muito a imagem deles. Mas qual o pai que deixa o filho entrar no meio, e não gosta de ver a carinha dele, estampado no ecrã, num catálogo ou revista? Então por que não, ser tu mesmo a propagar o seu filho numa página pública? 
É provável que algum dos meus filhos tenha perdido algum "trabalinho" importante, por excesso de exposição...não duvido, mas que eles ganharam muitos outros por causa da página, isso tenho a certeza. Tudo na vida, ganha-se e perde-se, cabe a cada um fazer uma balanço do que realmente é necessário e importante para que o filho tenha sucesso no meio.
Se estas a pensar abrir uma página para seu filho, ou se ainda tens receio, veja as páginas dos meus e me diz, o que achas. Quero que seja o mais sincero possível, estou mesmo aberta a sugestões.

                      Página Oficial-MELISSA MATOS


                                        Página Oficial-LUÍS HENRIQUE



*nota: tema sugerido por uma leitora. Obrigada M. Bjinhos